Energia solar vale a pena?

Energia solar vale a pena?

Você sabe o que é energia solar fotovoltaica? O avanço constante no aproveitamento de energias renováveis tem facilitado o acesso e a implantação de painéis fotovoltaicos em diferentes tipos de construção, especialmente as residências. Este tipo de captação, além de limpa e renovável, ajuda – e muito – a reduzir os gastos com a conta de luz.

Mas apesar de já ser até bem difundida no Brasil, a energia proveniente da irradiação do Sol ainda gera algumas dúvidas. Quer saber mais sobre o assunto? Siga a leitura que vamos responder às principais questões sobre o tema.

Aprenda como ganhar muito dinheiro com energia solar fotovoltaica.

Visite: Trabalho Lucrativo e torne -se um instalador solar de alta performance.

energia agora

Chega de dúvidas: saiba o que é energia solar fotovoltaica

A energia solar é a conversão direta da irradiação solar em energia elétrica, por meio de equipamentos específicos que são instalados em edificações, como os módulos ou paineis fotovoltaicos, o inversor e o medidor bidirecional (“relógio de luz”). De maneira resumida, funciona da seguinte forma: a radiação emitida pelo Sol é captada pelos módulos, e na sequência, transformada em energia elétrica, sendo equalizada pelo inversor para frequência normal em residências. A partir daí, qualquer equipamento eletro-eletrônico pode utilizá-la normalmente.

Há muitos atrativos ao optar pela energia solar, mas também há alguns (poucos) pontos a serem levados em conta antes de optar pelo sistema. Vamos conhecer todos eles.

Vantagens da energia solar

Economia nos gastos com a conta luz

A vantagem mais atraente desse sistema, com certeza, é a redução do valor das contas de luz. Ao adotar esse método, é possível gerar toda a energia utilizada no consumo do imóvel, tendo uma economia de até 95% do valor pago a concessionária local.

Além disso, pode-se até ter créditos ‘extras’. Após instalar os módulos, se o seu imóvel gerar mais energia elétrica do que consumir, você poderá aproveitá-la em outros momentos, como quando não houver luz solar o suficiente para a geração, ou então distribuir em outras unidades consumidoras que estejam em seu nome, como uma casa de praia, por exemplo. Os créditos de energia devem ser usados em até 60 meses.

É uma energia renovável

A irradiação do Sol sempre estará disponível, mesmo com as variações no clima. Além disso, o Brasil é privilegiado, recebendo uma quantidade gigantesca de radiação solar todos os meses. Mesmo em estados ou dias com menor incidência de Sol, a geração é garantida, pois os módulos seguem captando – muitas pessoas tem a impressão que só em dias muito ensolarados é que se tem a geração de energia, o que não é verdade.

Portanto, podemos contar com uma captação natural, vinda de uma fonte gratuita e muito eficiente. E diferente de outras fontes renováveis, como é o caso da energia nuclear, hidrelética, ou as provenientes do petróleo e do carvão, não é preciso se preocupar com o seu esgotamento.

Não polui nem afeta o ambiente

Por ser renovável e sustentável, a energia solar contribui com a manutenção dos recursos naturais e também não agride o meio ambiente. Isso porque, a geração de energia é feita por meio de um processo fotoquímico, que não emite nenhum poluente ou elemento nocivo à saúde ou a natureza. Além disso, o sistema é totalmente silencioso, então pode ser instalado em qualquer local, seja em residências ou corporações.

Facilidade da instalação e durabilidade

Outra grande vantagem desse sistema é a facilidade de instalação. É claro que é preciso contar com uma empresa capacitada e bons produtos, mas os módulos fotovoltaicos podem ser instalados em qualquer tipo de construção e em diferentes locais, seja no telhado, no chão ou até mesmo de forma flutuante. Assim, você poderá adaptá-los de acordo com seu espaço e necessidade e não precisa se preocupar com altos custos de adaptações e reformas.

É importante destacar ainda que um painel fotovoltaico de boa qualidade e bem instalado pode ser usado com eficiência por cerca de 25 anos, com poucas manutenções (basta limpar os painéis de seis meses a um ano). Outro ponto positivo é que algumas cidades brasileiras já dão desconto entre 10% até 100% no IPTU (o chamado “IPTU Verde”) para o contribuinte que construir ou reformar a sua casa ou empresa implantando sistemas ecoeficientes em sua obra, como os de geração de energia.

Tudo isso acaba sendo também um diferencial de valor caso o imóvel precise ser vendido ou alugado – construções com soluções sustentáveis podem ter até 30% de valorização de mercado, do valor inicial.

O que preciso levar em conta antes de optar pela energia solar?

Vale a pena pesar o custo-benefício e a economia a longo prazo. Considere praticamente ‘zerar’ sua fatura de energia elétrica e até a possibilidade de ter créditos extras. Assim, o investimento poderá ser pago em poucos anos. E, sempre levando em conta o fato de ser uma energia renovável e não-poluente.

Hoje já existem muitas formas de você financiar a compra e a instalação de seu sistema de geração de energia solar fotovoltaica. Algumas linhas de crédito foram criadas justamente para disseminar, cada vez mais, a utilização de fontes de energia limpa e renovável. Essas modalidades atendem tanto proprietários de imóveis residenciais quanto de imóveis comerciais, ajudando no investimento inicial e facilitando o pagamento do sistema.

Chega de perder tempo visite: Trabalho Lucrativo e torne -se um instalador solar de alta performance!

paula

You must be logged in to post a comment